quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Poesia

Reflexão e Convite
                      Murilo Mendes

Nós todos estamos na beira da agonia
caminhando sobre pedras angulosas e abismos.
Ninguém ouve o barulho da banda de música
que está ali firme do outro lado do século.

Encontramos o sonho e o pusemos no altar.
Incenso e adoração, culto ardente pra servir.
Saímos dos planos múltiplos do sonho,
não nos integramos na ciência da total realidade.

Vamos colher as flores grandes que crescem nos abismos
e apreciar as explosões da luz de dois universos.
Apressando o passo estaremos do outro lado do século
ouvindo o barulho da banda de música que não pára nunca.
                                                         Extraído do livro Poemas e Bumba-meu-Poeta 

Nenhum comentário:

Postar um comentário