terça-feira, 27 de setembro de 2016

Luz de Inverno - Keila Gon

Olá pessoal!
O Book Tour da Saga Cores de Outono, chega ao seu final!
Caso você ainda não tenha lido os dois primeiros livros, veja as resenhas aqui: Cores de Outono e Sombras da Primavera.




Sinopse:
'Uma história que ganhou vida em palavras, almejou o impossível, encantou e emocionou leitores, chega agora ao seu final. No último volume da trilogia, a verdade chegará iluminada por confrontos decisivos. O amor de Melissa e Vicent se fortalece, mas sua união desperta o interesse pelo poder. Esta herança promete ser o novo alicerce para o Mundo Mágico, a diferença entre vitória e derrota... O desejo de que o futuro seja apenas o começo.'

************* 

 A autora Keila Gon está de parabéns! Uma história linear, envolvente e repleta de magia. Melissa e Vicent passam por grandes mudanças, medos, descobertas e sua união é selada não só com a magia, mas com o principal - Amor.

Todos estão longe de imaginar que Luz e Sombra caminham juntos, e que este poder é desejado e rejeitado. Melissa descobre seu verdadeiro caminho, já Vicent nem imagina onde isso poderá levá-los...

'A união de nossas linhagens restaurou a lenda.'

'Dando voz ao meu coração, anuncio que Melissa Wels é minha escolhida. Ela é agora minha família. Meu lar. Minha força e minha coragem. Com ela dividirei meu futuro, minha sorte e meu destino. Por seu amor, jurei proteger e lutar; por ela, entreguei minha própria vida, porque ela é parte de mim e sem ela não posso existir.'

O desejo pelo poder vai ao extremo, e suas consequências serão seladas por perdas, traição, ambição e grandes reviravoltas. A família Von Berg, demonstra um grande amor pelos seus e pelos moradores da montanha, fazem de tudo para que a união, proteção e vínculos fortes como amizade, seja prioridade, tanto no mundo mágico como no mundo real.

Assim imagino Victor
 
Agora, quando um ser pega pra ser mal, sai debaixo. O que é esse senhor Ludwig, muito estrategista, inteligente, paciente , sabe o que quer e faz tudo para alcançar seu alvo. Outro que me deu um medinho foi Victor, quando ele se aproximava de Melissa e a chamava de 'anjo', já dava um arrepio na espinha.

'_ Olá, Anjo.
A voz do Demônio das Sombras retumbou ...
_ Victor! - falei sem fôlego, encarando os olhos violeta.'

 

Personagens como Heros, Alice e Armand são uma história à parte, também eles crescem na história, de forma graciosa, envolvente e de uma singularidade. (Daria uma nova história).

'Do outro lado da porta, a magia se espelhava por todos os lados. Mas não era a magia de poderes, purpurina e bolhas de sabão...Era a magia da felicidade, dos detalhes perfeitos, do carinho planejado...'
 
Os moradores da montanha, também passam por transformações, perdas, novas amizades, ciúmes, medos e o mais precioso de tudo, nem as coisas visíveis e invisíveis separa esta família, eles estão protegidos pela maior magia que há no mundo - o Amor.

'Achamos na quebrada de uma montanha um lindo retiro, um verdadeiro berço de relva suspenso entre o céu e a terra por uma ponta de rochedo. Aí abrigamos o nosso amor e vivemos tão felizes que só pedimos a Deus que nos conserve o que nos deu; a nossa existência é um longo dia, calmo e tranquilo, que começou ontem, mas que não tem amanhã.
Fechei meu exemplar em brochura de Cinco Minutos...'


Obrigada pelo carinho e atenção Ana Paula Carvalho Martins.

Obrigada Keila Gon! E que venham mais livros com gostinho de magia e fantasia.

terça-feira, 13 de setembro de 2016

# 8 - Presente Literário


Lya Luft
Nasceu no dia 15 de setembro de 1938, em Santa Cruz do Sul, Rio Grande do Sul.
É colunista mensal da revista Veja e professora aposentada da UFRGS.
Iniciou sua vida literária nos anos 60, como tradutora de literatura em alemão e inglês. Já traduziu para o português mais de cem livros. Destacam-se traduções de Virginia Wolf, Reiner Maria Rilke, Hermann Hesse, Doris Lessing, Günter Grass, Botho Strauss e Thomas Mann.
Em 2013, recebeu o Prêmio ABL, na categoria Ficção, Romance, Teatro e Conto, pela obra 'O tigre na sombra'. Seus livros continuam sendo traduzidos para diversos idiomas.
 “A vida é maravilhosa, mesmo quando dolorida. Eu gostaria que na correria da época atual a gente pudesse se permitir, criar, uma pequena ilha de contemplação, de autocontemplação, de onde se pudesse ver melhor todas as coisas: com mais generosidade, mais otimismo, mais respeito, mais silêncio, mais prazer. Mais senso da própria dignidade, não importando idade, dinheiro, cor, posição, crença. Não importando nada”.

                                                                                                                                                    "O Ponto Cego"- 1999



Bibliografia:
- Canções de Limiar, 1964
- Flauta Doce, 1972
- Matéria do Cotidiano, 1978
- As Parceiras, 1980
- A Asa Esquerda do Anjo, 1981
- Reunião de Família, 1982
- O Quarto Fechado, 1984
- Mulher no Palco, 1984
- Exílio, 1987
- O Lado Fatal, 1989
- O Rio do Meio, 1996
- Secreta Mirada, 1997
- O Ponto Cego, 1999
- Histórias do Tempo, 2000
- Mar de dentro, 2000
- Perdas e Ganhos, 2003
- Histórias de Bruxa Boa, 2004
- Pensar é Transgredir, 2004
- Para não Dizer Adeus, 2005
- Em outras Palavras, 2006
- A Volta da Bruxa Boa, 2007
- O Silêncio dos Amantes, 2008
- Criança Pensa, 2009
- Múltipla Escolha, 2010
- A Riqueza do Mundo, 2011
- O Tigre Na Sombra, 2012
- O Tempo é um Rio que Corre, 2013
- Paisagem Brasileira, 2015


No exterior: - The Island of the Dead (O Quarto Fechado), E. U. A.