terça-feira, 15 de março de 2016

Projeto "Tem que Ler Mesmo?" Oceania


Olá leitores viajantes!

Depois que viajei de 1ª Classe, resolvi passear de mochileira, escolhi minha melhor poltrona e li Agridoce - Colleen Mc Cullough -          

Sinopse

Colleen McCullough narra a apaixonante história de dois pares de gêmeas, tendo como cenário a Austrália dos anos 20 e 30. Todas elas se formam em enfermagem, mas cada uma tem as suas próprias ambições.
As quatro irmãs Latimer não podiam ser mais próximas, mas cada uma delas tem os seus próprios sonhos: Edda quer ser médica, Tufts quer organizar tudo, a Grace ninguém pode dizer que caminho deve seguir e Kitty quer ser conhecida por outra coisa que não a sua beleza. São famosas na Nova Gales do Sul pela sua beleza e ambição, bem como pelo seu espírito, mas, à medida que se aproximam da maturidade, as perspectivas limitadas da vida que as espera é desmoralizante.
Decidem inscrever-se todas juntas numa formação em enfermagem, uma nova opção para as mulheres que até então se tinham visto limitadas ao papel de esposas e mães. As irmãs Latimer irão conhecer novas pessoas e encontrar desafios que em muito contribuirão para o seu amadurecimento e independência. Conhecerão homens de todos os quadrantes sociais, agricultores, colegas no hospital e até homens com cargos públicos e políticos, e cada uma das irmãs terá de avaliar as suas decisões e aquilo que é para si mais importante. O resultado é por vezes feliz, outras arrasador, mas sempre… agridoce.


 
Só pela sinopse já dispensa qualquer comentário, mais um livro apaixonante, uma leitura deliciosa e de personagens que vão além. O papel da mulher num mundo dominado por homens, as quatro irmãs vão em busca de seus sonhos e também de seus pesadelos.
 'Não existe mais nenhuma mulher para mim, soube-o no momento em que soltaste aquele guincho junto à locomotiva C-38, que puxa o Espírito do Progresso.'
 'A minha aparência faz toda a gente presumir que sou um anjo, por isso a minha insolência surpreende as pessoas. Aprendi isso cedo e não tenho qualquer intenção de deixar de ser assim.'
 'A tua ligação emocional ao Hospital de Corunda faz com que sejas ideal para o que eu quero fazer, mas também a tua personalidade, quem és e o que és, e o que te podes vir a tornar.'
'A tua biblioteca inclina-se fortemente para o lado das leis...  e não vejo nenhum romance. É uma pena. Quase todos os grandes livros do mundo são romances, desde Crime e Castigo até A Feira das Vaidades. Certamente que leste alguns dos novos escritores como William Faulkner e o não tão novo Henry James?'

'Nada é tão doce que não tenha um resquício de amargura.'
'O significado da palavra agridoce designa alguma coisa que apresenta um sabor amargo e ao mesmo tempo doce, ou então algo de sabor ácido e simultaneamente doce. Agridoce é um substantivo tanto masculino quanto feminino e tem como sinônimos as formas menos comuns acridoce, acidulce e agridulce.'
 
Uma leitura fascinante!
Participe conosco desta viagem - Projeto 'Tem que Ler Mesmo?'

Resenha por Nice

Nenhum comentário:

Postar um comentário