terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

"Eu sou Malala"

Olá pessoal, tudo bem?

Vamos comentar de uma biografia sensacional, que nos faz refletir e entender outras realidades: "Eu sou Malala". Começo dizendo que não sou fã de biografias, mas esta é uma das que me chamaram a atenção. 

Bem, para quem não conhece, Malala Yousafzai é uma garota que vivia no Vale do Swat, Paquistão, sob o regime Talibã. No dia 9 de outubro de 2012, levou um tiro na cabeça, que por milagre não lhe tirou a vida. O seu maior anseio era que as meninas tivessem direito à educação. Malala ganhou o Prêmio Nobel da Paz por sua história e exemplo de superação.

Resultado de imagem para eu sou malalaNo livro, Malala conta como vivia no Paquistão e como a influência do Talibã reinava por ali. Seu pai sempre a apoiou, inclusive ele cuidava de uma escola para meninas, para que elas tivessem os mesmos direitos à educação que os meninos. Fica evidente que Malala puxou seu pai! 

Que menina corajosa! 

Apesar de algumas leis restritivas passarem a vigorar na região, Malala não perdia a esperança de poder realizar seus sonhos. Ela nos conta a dificuldade de viver sob grandes ameaças e a falta de liberdade.

Esta biografia nos faz entender outras realidades, que muitas vezes só ouvimos falar na mídia. Para mim, ficou bem evidente que o medo nos tira a esperança, mas que a fé pode mover os maiores obstáculos, é só acreditarmos. 



"Uma criança, um professor, uma caneta e um livro podem mudar o mundo."
E você? Já leu esta biografia? Compartilhe conosco o que você achou, dê sua opinião...

Ale Veras

Um comentário:

  1. Olá! Não li, mas gostaria muito, as vezes olhamos um determinado assunto só sob nossa perspectiva, sem levar em conta a história, a época, a política...cada sociedade tem suas peculiaridades...
    Abraço!

    ResponderExcluir